• Rafaela André

FUTEBOL FEMININO: campeonato Roraimense ocorreu em tiro curto com cinco clubes em Boa Vista

Bennison de Santana


Saiba como foi a preparação dos clubes em período pandêmico, onde ocorreu a disputa, quem foi campeão e como ficou a classificação final


Foto: Hélio Garcias - Competição ocorreu no sistema todos contra todos


A primeira competição de 2021 realizada pela FRF (Federação Roraimense de Futebol) foi o Campeonato Roraimense Feminino 2020. A competição ainda da temporada passada ocorreu neste ano devido a adequação do calendário do ano passado que teve mudanças devido a pandemia do novo Coronavírus. O título estadual valeu a vaga no Brasileirão Feminino A2.

Para evitar maiores problemas como contágios entre atletas e demais profissionais envolvidos, a FRF decidiu realizar a competição em tiro curto, cinco dias, no Centro de Treinamento do São Raimundo, no bairro Operário. Estavam na disputa: São Raimundo (campeão), Atlético Roraima (vice), Rio Negro-RR, GAS e Ríver.

O modelo de disputada adotado foi de pontos corridos (todos contra todos, quem mais pontuar é declarado campeão). O CT do Mundão  recebeu a disputa do dia 23 a 27 de março de portões fechados. Participantes passaram por testagens da Covid-19.


Técnico do São Raimundo, Beto Vieira comemorou o título.

“Sempre é bom você ganhar o título, essa que é a verdade. Você chega ao final do seu propósito, seu objetivo. Então é um marco, o último passo. Muito bom. Até porque estávamos desacreditados”, comemorou o comandante.

Fotos: Bennison de Santana


Jogos ocorreram no CT do Mundão quando expectativa era Estádio Canarinho

Foto: JS Drones


Com a inauguração do Estádio Canarinho em fevereiro de 2020, a expectativa para realização do estadual era que o local recebesse as partidas do Estadual Feminino. No entanto, os planos dos representantes dos clubes e principalmente das atletas foram frustrados.

Nem mesmo o Estádio Ribeirão teve como receber os jogos, haja vista sua situação atual. De acordo com o IDR (Instituto do Desporto de Roraima), o local está desativado e sem condições de receber jogos. Restou então o campo de Centro de Treinamento do São Raimundo.

“O Canarinho novinho depois dessa reforma e a gente tem que jogar no campo do São Raimundo”, relatou Débora, atleta do Rio Negro.


Dificuldades e preparação para o Estadual em meio a pandemia


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação


Com o anúncio da disputa da competição em menos de uma semana, os clubes tiveram que ajustar planejamentos para se preparar para o Estadual. São Raimundo começou a treinar no seu CT, Atlético Roraima usou um campo alugado para realizar treinos, o mesmo que fez o GAS.

Com CT à disposição, a equipe do feminino do São Raimundo usou um de seus campos para treino, isso porque clube utiliza o mesmo espaço para o time profissional que disputará o Estadual e a Série D, e o Sub-20 que enfrenta o Vasco em abril pelas oitavas de final da Copa do Brasil da categoria.

Os demais clubes tiveram que encontrar alternativas para sua preparação. Uma delas foi alugar um campo particular para fechar treinamentos ou treinar em um campo de algum parceiro da agremiação.

“Nossa preparação foi rápida por temos pouco tempo, mas foi bem intensa e contou muito para o nosso entrosamento em modo geral, todo nosso destaque no campeonato foi resultado desse trabalho”, relatou Bruna Castro, responsável pelo marketing do Atlético Roraima.

Foto: Divulgação