• Bryan Chrystian

Coletivo de arte retoma atividades com pintura de mural em homenagem à cultura indígena de Roraima

Mural foi pintado na emissora de Rádio e Tv Universitária da UFRR

Fonte: Leila Baptaglin

O que antes era apenas uma parede branca na emissora de Rádio e TV Universitária, vinculada à Universidade Federal de Roraima (UFRR), se tornou nessa terça-feira (27) uma obra de arte que valoriza a cultura indígena e roraimense.


A obra é um trabalho do coletivo “Plac: carimbadores malucos” e marca a retomada do grupo, após um ano de atividades paralisadas devido a pandemia do Covid-19.


De acordo com a coordenadora do grupo e vice coordenadora do Amazoom, Leila Baptaglin, o mural é uma representação da Cruviana, lenda dos povos indígenas de Roraima. Além disso, conforme Leila, o mural possui elementos em homenagem à diversidade cultural do Estado, assim como da UFRR.


“A proposta foi realizar um Mural para o Programa Cruviana Universitário que iniciará na TV Universitária. O mesmo será apresentado por Neuber Uchôa e Francisco Alves”, explicou a coordenadora.


O coletivo

O coletivo de Arte Urbana “PLAC: os carimbadores malucos” é parte programa de extensão “Poéticas e Linguagens Artísticas Contemporâneas: as transformações dos saberes urbanos pelos processos migratórios”.


Além disso, o coletivo é vinculado ao Curso de Licenciatura em Artes Visuais e ao Grupo de estudos e pesquisas em Patrimônio, Arte e Cultura na Amazônia (GPAC).


Segundo Leila Baptaglin, o foco de trabalho do Plac são os processos artísticos, educacionais e comunicacionais procurando dar visibilidade à região Amazônica.


“O trabalho com a Arte e Patrimônio dá suporte para a compreensão e valorização da história da região Amazônica ampliando o olhar para esta, como um celeiro cultural. A educação potencializa os Saberes e dissemina as Linguagens artísticas e, a abertura para as questões Culturais, viabiliza a compreensão da construção teórico/prática da região Amazônica”, detalhou.


Principais atividades:

Entre as atividades do PLAC, está a realização de oficinas de Linguagens artísticas; Grafite e Muralismo nos campi da UFRR, nas escolas e nos abrigos existentes na capital roraimense.


Leila Baptaglin afirmou que o trabalho de muralismo realizado pelo coletivo tem como objetivo integrar e aproximar os artistas envolvidos.


"Tendo em vista que o mural não é realizado por uma pessoa, mas sim pelo coletivo envolvido, cada mural e projeto é único", comentou.


Ações de pintura mural:


Pintura Mural – Instituto Biriba-Capoeira: Primeira ação de pintura mural do PLAC, no ano de 2019 com a participação das crianças do projeto e as famílias do bairro Jardim Floresta.


Pintura Mural – Abrigo Rondon 02: Pintura Mural com os imigrantes do abrigo no ano de 2020.



Pintura Mural – Abrigo Pintolândia: Pintura com as artesãs Warao, no ano de 2020.





24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo