• liliguimaraes16

Conselho Indígena de Roraima publica nota de repúdio contra desvio de vacinas

De acordo com denúncias, vacinas contra covid-19 que seriam para comunidades, foram vendidas em troca de ouro.



Foto: Victor Moriyama/ISA

O Conselho Indígena de Roraima (CIR) publicou, neste sábado (31), uma nota de repúdio com relação ao desvio de vacinas contra a covid-19, destinadas às comunidades da Terra Indígena Yanomami. De acordo com denúncias do Conselho Distrital de saúde Yanomami e Ye’kuana, as vacinas foram vendidas a garimpeiros em troca de ouro, por alguns servidores da SESAI.


Em nota, o CIR afirma que não medirá esforços para acompanhar o caso e pede, aos órgãos fiscalizadores, agilidade nas apurações para que os responsáveis sejam exonerados e punidos imediatamente.


O repúdio é feito em nome das 255 comunidades que compõem o CIR, das regiões Serras, Surumú, Baixo Contigo, Raposa, Serra da Lua, Wai Wai, Murupú, Amajarí, Alto Cauamé, Tabaio e Amajarí. A nota termina reforçando o apoio às lideranças nas diversas denúncias em relação à situação na TI Yanomami, causado pelos invasores.


Fonte: Conselho Indígena de Roraima - CIR


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo